Alfenas é destaque no Jornal da Cultura em Rede Nacional

Publicado em 13 de agosto de 2018

O programa Jornal da Cultura mostrou no dia 08 de agosto o projeto A Geladeiroteca, uma Biblioteca Popular, denominada “Paulo Freire”, que faz parte do projeto de incentivo à leitura desenvolvido pela Secretaria Municipal de Educação e Cultura de Alfenas.

O Programa SG TV do Estado de Minas Gerais, através de reportagem veiculada pelas redes de Tvs Educativas, filiadas a Rede Minas de Televisão, exibida em 22 de fevereiro de 2017, agora alcança a imprensa em rede nacional, através do jornalismo da TV Cultura intitulado “Livrarias de ruas desafiam grandes redes e sobrevivem com clientela fiel”.

Segundo o Superintendente de Cultura Guilherme Abraío, durante a Feira do Livro de Alfenas, realizada em 2017, artistas da cidade DAS (Diego dais Souza) e D.G.O (Diego Santos) fizeram os grafites nas geladeiras, que seriam descartadas e ganharam vida e cores, e em seguida, elas e centenas de livros foram distribuídos em vários pontos da cidade de Alfenas. Com objetivo de democratizar o acesso e popularizar os espaços de leitura, tudo isso no esforço de formar leitores.

Ainda de acordo com o superintendente, para ampliar o programa de Geladeiroteca pela cidade será necessário a doação de mais livros e geladeiras descartáveis e do cuidado dos usuários. “Queremos e precisamos ampliar este projeto que faz parte das ações de incentivo à leitura dos cidadíos de Alfenas, entre eles crianças e adultos”, disse Guilherme Abraão. O programa deve retomar suas ações nos próximos meses, afirmou o superintendente.

Veja reportagem abaixo

O que é a Geladeiroteca?

Trata-se de uma geladeira usada e readaptada para receber, em seu interior, diversos livros, gibis e revistas oferecidos ao público. As geladeiras descartadas e que não seriam mais utilizáveis foram transformadas em Geladeirotecas para guardar livros, espalhadas em vários pontos da cidade, fazendo parte do Programa Bibliotecas Públicas, que é coordenado pela secretária de Educação e Cultura do município de Alfenas, Tani Rose.

O programa disponibiliza para a população em geral livros infantis, literatura, enfim uma variedade de leitura. Em cada Geladeiroteca espalhada pela cidade tem um texto explicativo de como funciona, e os pontos aonde as pessoas possam encontrar livros para leitura.

De acordo com a SMEC – Secretaria de Educação e Cultura, a pessoa pega o livro em qualquer ponto da cidade e tem um tempo livre para devolução, pois demora o tempo que quiser e depois devolve o respectivo livro em qualquer lugar que esteja instalada a Geladeiroteca. é uma forma de ampliar o público para leitura e a intenção é formar leitores, incentivando cada vez mais a leitura de crianças e também adultos.

A primeira Biblioteca Infantil foi instalada no CEMEI é Centro Municipal de Educação Infantil Pedro Paulo Csizmam de Oliveira, no bairro Santa Clara, em Alfenas. De acordo com a Secretaria, o programa nío onera os cofres públicos, já que as carcaças da geladeira, tintas e customização sío arrecadadas por meio de parcerias e recuperadas pelos grafiteiros da cidade.

0 Comentários

Deixe o seu comentário!