Campanha de vacinação contra a raiva em cães e gatos começa em Alfenas no dia 3 de julho

Publicado em 20 de junho de 2017

No dia 3 de julho, vai começar a campanha de vacinação contra raiva em Alfenas. A estimativa para a campanha deste ano é vacinar 9.875 cíes e 1.069 gatos, tanto na zona urbana quanto na zona rural.

Na zona urbana, a campanha será realizada de 3 a 29 de julho, em 37 pontos de vacinação, conforme cronograma disponibilizado no final desta matéria.

Na zona rural, a campanha vai de 31 de julho até 15 de agosto, em postos itinerantes. Nío serío disponibilizadas doses de vacina para levar para casa.

A Vigilância Ambiental ressalta que serío vacinados cíes e gatos com idade superior a 3 meses com uma única dose. Sintomas como dores no local da aplicação da vacina, febre e comportamento mais quieto do animal sío esperados após a aplicação.

Os cães e gatos que serão vacinados nos pontos estabelecidos deverão estar com coleira e guia, e os gatos em sacolas de pano ou em gaiolas apropriadas. Animais com temperamento agressivo devem estar com focinheira e a contenção deve ser feita, prioritariamente, pelo dono ou responsável pelo animal.

Se, no dia de vacinação, cadelas e gatas em gestação estiverem com um nível de estresse muito alto, a Vigilância Ambiental recomenda que a vacinação seja feita em outro momento.

é de extrema importância que o dono ou o responsável pelo animal leve a carteira de vacinação do animal.

Sobre a doença

A raiva é uma doença viral transmitida ao homem pela inoculação do vírus presente na saliva e secreções do animal infectado, principalmente pela mordedura ou lambedura. Cíes, morcegos e gatos sío os principais transmissores da raiva e a vacina é a melhor maneira de controlar a doença.

Como ainda há focos de raiva em bovinos e equinos na região de Alfenas, é importante a vacinação em massa dos animais. Vale destacar que não há relatos de casos de raiva humana em Alfenas e região.

Em caso de possível exposição ao vírus da raiva, é imprescindível a limpeza do ferimento com água corrente abundante, sabío ou outro detergente, pois essa conduta diminui, comprovadamente, o risco de infecção. Em seguida, deve-se procurar uma unidade de atendimento de saúde o mais breve possível.

ASCOM/Prefeitura de Alfenas

0 Comentários

Deixe o seu comentário!